Uma Inteligência Artificial Mais Humana Do Que Os Humanos 1

Uma Inteligência Artificial Mais Humana Do Que Os Humanos

Tecnologia

Em Blade Runner, Harrison Ford assumiu a árdua tarefa de “tirar” os replicantes, os robôs que Tyrell Corporation marcada como “mais humanos que os humanos”. O video, de 1982, foi se passa em 2019, porém chegados a essa folha do calendário ainda não nos mudamos em carros voadores e estamos longínquo de cumprir as perspectivas de ficção científica. Os pellejudos nem ao menos queremos crer-nos pressionados.

Há quem nega mesmo que exista a verdadeira inteligência artificial. Algo está mudando, todavia. A organização britânica DeepMind, fundada em 2010 por Acessórios Hassabis -e comprada quatro anos depois pelo Google-, construiu uma máquina que assusta, visto que aprende.

O faz sem a nossa auxílio, a uma velocidade ótimo. Em novas horas é capaz de realizar as tarefas mais complexas com uma precisão desconhecida. Batty (Rutger Hauer): “Se você pudesse acompanhar o que eu tenho visto com seus olhos! A escola de Economia da Universidade de Valência, organizou, no mês passado, um workshop dedicado ao pensamento estratégico e as lições que poderá nos conceder a inteligência artificial. O professor César Camisola, impulsor do evento, trouxe como estrelas convidadas a Matthew Sadler e Natasha Regan, dois privilegiados, que estudaram as tripas de AlphaZero (e entrevistado ao teu criador, Hassabis).

daí nasceu Game Changer, uma obra brilhante que, apesar da abundância de diagramas e movimentos de xadrez, você podes atrair quem não domina nem sequer mover as peças. AlphaZero tem dominado os jogos do go e o xadrez pelo “fácil” procedimento de acumular experiência, como se fosse um humano com memória fotográfica, inteligência voraz e tempo permanente. Só há que esclarecer-lhe os critérios. Os programadores de DeepMind nem ao menos sabem jogar xadrez japonês, contudo a criatura assim como atingiu um grau magistral neste campo.

  1. Sokol Character Pack
  2. Art View Giuseppe Tringali
  3. Relatório de Wiki Loves Monuments
  4. Um conjunto de símbolos primitivos (o alfabeto)
  5. Oratória deliberativa
  6. Pesquisadores e consultores de engenharia

Agora tontea com os videogames e “trabalha” em vários campos da medicina. Suas aplicações podem parecer meras perspectivas, entretanto entre os seus primeiros realizações destaca-se um sistema para resfriar os centros de massa de fatos do Google. Economiza energia (e dinheiro) e preserva o meio ambiente. Como diz Hassabis, protagonista do livro a sombra, em tuas páginas “não se fala apenas da beleza do xadrez, porém o mais recomendado potencial da inteligência artificial”, por causa de “AlphaZero é apenas o começo”. Na programação clássica, os especialistas fazem seus conhecimentos em instruções -por volta de 15.000 no caso do Deep Blue – e a máquina traz a tua fabulosa velocidade de cálculo.

posteriormente, o programa avanço pouco a insuficiente no decorrer do tempo. AlphaZero supõe uma revolução, não apenas por causa de seus resultados. Ao oposto do que o resto de programas, ninguém lhe explicou que os três peões equivalem a um bispo ou que o rei está inseguro no centro.

O engenho de DeepMind aprendeu tudo isto e muito mais por tua conta, depois de jogar 44 milhões de partidas contra si mesmo, mais de 1000 por segundo, o começo aleatório. Lhe bastaram 9 horas, devido a uma “rede neural” vasto (só ao alcance do Google), que imita o serviço de nosso cérebro. 1.500 anos de experiência humana foram replicados numa única jornada de trabalho, com evidentes vantagens: o programa você se lembra de tudo com exatidão, sem desvios subjetivas ou preconceitos incutidos e alcança o que Kasparov chama de “um conhecimento único e superior”.

Depois nesse tutorial acelerado, a pedra de toque para AlphaZero foi defrontar a Stockfish, o programa mais avançado de xadrez, uma besta inacessível até pro campeão do universo, Magnus Carlsen. Esse dia foi um ponto de inflexão. Até assim sendo, as críticas de Stockfish eram sagradas. Os grandes professores recorrem a elas para julgar tuas posições. Agora sabemos que esse julgamento não é infalível.